A arte de se inspirar


  É foda quando se quer muito escrever mas não vem ideia alguma na cabeça, você faz de tudo, relaxa, pensa horas a fio, desenha, lê, bate a cabeça repetidas vezes na parede - não recomendo - e muito mais, só que a peste da inspiração teima em ficar de birra e não aparecer.
   E então! PÁ! Quando tu desiste de escrever, a criatura aparece, normalmente quando não podemos escrever. Todo escritor que passa por isso - só todos os escritores do mundo, coisa pouca, coisa boba. -  sabe a raiva que dá na hora,as nem sempre uma raiva ruim, muitas vezes até engraçada. Entretanto não é só a inspiração que sabe jogar este jogo. E pra brincar é bem simples, basta em um momento qualquer, escrever, escrever qualquer coisa, escrever apenas por escrever, então quando se der conta.estará escrevendo inspirado, e assim como farei agora, poderá dizer em alto e bom som, ou até gritar:
  - HÁ! TE PEGUEI SUA INSPIRAÇÃO MALDITA!!

Comentários

  1. Falta de inspiração é F. mesmo.
    As vezes a gente até sabe o assunto, mas não desenvolve.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Doses de poesia

Jogo de politica

Liberdade x Responsabilidade